30 de junho de 2011

PAULLO COSTA E O LEGADO DE JAYME

O programa Ronda dos Festivais de quarta-feira, 29 de junho, teve como convidado especial o cantor e compositor Paullo Costa, que apresentou em primeira mão o CD  "Paullo Costa e o Legado de Jayme Caetano Braun", baita trabalho que traz poemas do mestre dos pajadores musicados por Costa, dentre os quais se destacam "Galo de Rinha" e "Bochincho".  Este disco não pode faltar no acervo dos admiradores da cultura regional gaúcha.
O programa Ronda dos Festivais é comandado por Jairo Reis, de segunda a sexta-feira, as 18h, na Rádio Rural AM 1120 e pode ser ouvido também pela internet através do http://www.clicrbs.com.br/.

23 de junho de 2011

PROSA BUENA NO RONDA DOS FESTIVAIS

Ricardo, Tavico, André, Jairo e Marcelo.
Na quarta-feira, 22 de junho, o programa Ronda dos Festivais recebeu a visita dos amigos Ricardo e Marcelo, integrantes da patronagem do Piquete Guapos da Restinga, e dos também amigos e integrantes do Grupo Quero-Quero, o cantor André Lucena e o baterista Tavico. 
Ricardo e Marcelo divulgaram o 5º Jantar Baile, tradicional evento promovido pela entidade, que acontecerá no dia 02 de julho, no Galpão Crioulo do Amparo Santa Cruz, situado na Estrada Costa Gama, 719, zona sul de Porto Alegre. No cardápio Sopa de Capeletti e Feijoada, com todos os acompanhamentos. Dentre as atrações, o cantor Iedo Silva, que realizará o show de lançamento do DVD comemorativo aos 35 anos de carreira. Depois, o baile segue com a animação do Grupo Caminhos.
André e Tavico, do Quero-Quero, divulgavam a Bailanta do Quero-Quero, que acontece toda quarta-feira, no Boteco Tchê, tradicional ponto de encontro da gauchada na capital do estado, localizado na Rua José do Patrocínio, 885, bairro Cidade Baixa.
Boa companhia, prosa buena , sorteio de brindes e música de qualidade, esta é a marca do programa Ronda dos Festivais, apresentado por Jairo Reis, de segunda a sexta, as 18h, na Rádio Rural AM 1120, a emissora pilchada do Grupo RBS.

VOZES DO JACUÍ - RESULTADO

Embora com relativo atraso, segue abaixo, o resultado do 1º Vozes do Jacui, realizado na cidade de São Jerônimo de 17 a 19 de junho.

Grupo que defendeu a musica vencedora.
Primeiro Lugar:  O MOURO DA ORELHA ATORADA 
(Rômulo Chaves/Everson Maré)
Interpretação:  Robledo Martins e Everson Maré. 
Segundo Lugar:  A PEDRA(Severino Rudes Moreira/Zulmar Benitez)
Interpretação: Cristiano Quevedo e Juliano Moreno
Terceiro Lugar: A FLOR, O BEIJA FLOR E O ESPINHO(Vagner Pizzoloto da Costa/Sérgio Rosa)
Interpretação: Adams Cézar
Melhor Tema sobre a Cidade de São Jerônimo: MATE DE ESTRIBO
(Rodrigo Barreto/Wilson Vargas
Melhor Instrumentista: DOUGLAS MENDES   (Violino na música Sou Produto do Campo)
Melhor Intérprete: ROBLEDO MARTINS e EVERSON MARÉ (O Mouro da Orelha Atorada)
Mais Popular: ABA LARGA (Adriano Steffler) Int:  Leonardo Gonçalves

26º PONCHE VERDE ANUNCIA COMISSÃO ORGANIZADORA

Recebemos e publicamos o chasque da Comissão Oganizadora do 26º Ponche Verde de Dom Pedrito, um dos mais importantes e tradicionais fesivais de música do Rio Grande do Sul.
O Ponche Verde da Canção Gaúcha, criado em 1986, com vinte e cinco edições ininterruptas, é um dos maiores eventos do gênero, no estado do Rio Grande do Sul e marca registrada na cultura da região do pampa. Valoriza nossas raízes campeiras, cantando a saga de um povo extremamente fiel às suas tradições.  Este evento é inspirado nas origens e na alma do gaúcho de Dom Pedrito, herdeiro natural dos ideais farroupilhas de igualdade, liberdade e humanidade, deixando a cada edição, um legado ao Movimento Nativista do Estado, um dos mais importantes no contexto cultural do mundo.
O Ponche Verde da Canção Gaúcha que, no ano de 2010 recebeu, aproximadamente, 12 mil pessoas, oriundas dos mais diversos e longínquos rincões do Brasil, consagrou-se pela originalidade, organização, persistência e fidelidade de seu público. Está centrado no princípio de democratização e popularização da cultura e viabiliza o acesso a todas as camadas, como instrumento de integração social.   Promovido e organizado há 25 anos pela Prefeitura Municipal, o Festival transcende tempo e espaço, porque é patrimônio imaterial da comunidade Pedritense.
     Uma Comissão Central constituída para coordenar e organizar a 26ª edição do evento, contará com o apoio de diversas subcomissões e será realizado no Parque de Exposições Juventino Corrêa de Moura que oferece a estrutura física necessária, onde acontecerá além da fase estadual, a 10ª Mostra do Canto Campeiro, shows musicais, bailes e acampamentos na “Cidade de Lona”, que será erguida no mesmo local.
Ficaram nomeados, através de decreto, para formarem a comissão central da 26ª edição do PV da Canção, as seguintes pessoas: Gladis Marly Dias Xavier, Eva de Melo Portilho, Luiz Hernany Pacielo Perez, Waltemir da Silva Dias, Luis Carlos Santana Silva
e Denise Silva. Sendo o presidente de honra o prefeito Francisco Alves Dias.
Ao longo de sua trajetória o Ponche Verde teve as seguintes músicas vencedoras:
- 1ª edição: “Sonho e herança de um peão”, interpretada por João Quintana Vieira e Parceria;
- 2ª edição: “Boieira”, interpretada por Miguel Márquez;
- 3ª edição: “Chasque ao vento”, interpretada por Wilson Paim;
- 4ª edição: “Poncho e paz”, interpretada por Antonio Gringo e Quatro Ventos;
- 5ª edição: “A Construção da milonga”, interpretada por Flavio Hansen;
- 6ª edição: “De Alma, canto e fronteira”, interpretada por Léo Almeida;
- 7ª edição: “Milonga pampeana”, interpretada por Adair de Freitas;
- 8ª edição: “Lanceiros negros”, interpretada por João Quintana Vieira e Grupo Parceria;
- 9ª edição: “O Pescador e o rio”, interpretado por Geraldo Trindade;
-10ªedição: “A Troco de nada”, interpretada por Chico Saratti;
-11ªedição: “Quando os touros se apartam”, interpretada por Miguel Marques;
-12ªedição: “Porque canto”, interpretado por Jairo Lambari Fernandes e Joca Martins;
-13ªedição: “Embaixo dos bastos”, interpretada por Jairo Lambari Fernandes;
-14ªedição: Etapa Estadual:“Tempo feio”, interpretada por Jairo Lambari Fernandes; Etapa Local: “Quando as guitarras se calam”, interpretada por Thiago Cezarino;
15ª edição: Edição comemorativa com as vencedoras das edições anteriores concorrendo entre si, sendo campeã a vencedora da 6ª edição “De alma, canto e fronteira”, interpretada por Léo Almeida;
16ª edição: “Tantas milongas”,interpretada por Vinicius Brum;
17ª edição: “De Tribais e nazarenos”, interpretada por Jairo Lambari Fernandes e Joca Martins;
18ªedição: “Empurrando tropa”, interpretada por Joca Martins;
19ªedição: “Quando um mata...mas os dois morrem”, interpretada por Lizandro Amaral e Marcelo Oliveira.
20ªedição: “Quando se vai um campeiro”, interpretada por Miguel Marquez;
21ª edição: “Chamara do tempo antigo”, interpretada por Fabiano Bachieri.
22ª edição: “Nas Tardes Lindas da Tarumã, interpretada por Rainiéri Spohr
23ª edição:  “De prosa e Galpão”, interpretada por Adair de Freitas
24ª edição:  “Milonga de Adeus à Patrício Laguna”, Interpretada por Robledo Martins e Rui Carlos Ávila
25ª edição – “Um Charrua” interpretada por Érlon Péricles

22 de junho de 2011

19ª SAPECADA - RESULTADO

Aluisio Rockembach recebe o trofeu e Melhor Instrumentista
Primeiro Lugar: O PRIMEIRO CANTO
Letra: SÉRGIO CARVALHO PEREIRA
Música: ROBERTO BORGES
Intérprete: LUIZ MARENCO
Segundo Lugar: A MEMÓRIA DE PEDRA
Letra: GUJO TEIXEIRA
Música: CRISTIAN CAMARGO
Intérprete: MARCO AURÉLIO VASCONCELLOS/ MARCELO OLIVEIRA/ LUIZ MARENCO/JOCA MARTINS
Terceiro Lugar: O MESMO
Letra: MATEUS ALVES DA FONTOURA/FÁBIO MACIEL
Música: JULIANO MORENO
Intérprete: MARCELO OLIVEIRA
Mais Popular: O AÇO DO TEMPO
Autor: RENATO ALOÍSIO GOMES
Melhor Interprete: LUIZ MARENCO -  O PRIMEIRO CANTO
Melhor Instrumentista: ALUISIO ROCKEMBACH - O PRIMEIRO CANTO
Melhor Letra:   A MEMÓRIA DE PEDRA - Gujo Teixeira/Christian Camargo
Melhor Melodia: FEITO ALPARGATA -   Lizandro Amaral/Roberto Luçardo
Melhor Arranjo: O PRIMEIRO CANTO
Melhor Conjunto Vocal: CHAMARRITA ROMANCERA
Letra: FABIO MACIEL
Música: VITOR AMORIM
Intérprete: ÍNDIO RIBEIRO
Melhor Tema Campeiro: O MESMO
Letra: MATEUS ALVES DA FONTOURA E FÁBIO MACIEL
Música: JULIANO MORENO
Interprete: MARCELO OLIVEIRA
Melhor Tema Sobre a Região Serrana: INFÂNCIA
Letra: EMERSON FERNANDES XAVIER
Música: MATHEUS ALVES
Interprete: ITA CUNHA

17 de junho de 2011

RAINERI SPOHR NO RONDA DOS FESTIVAIS

O cantor Raineri Spohr participou, no final da tarde desta sexta-feira, 17 de junho, do programa Ronda dos Festivais, apresentado pelo comunicador Jairo Reis, na Rádio Rural AM 1120. Acompanhado dos amigos Rodrigo Moralez, também cantor e de Daniel Oliveira, Spohr tocou e cantou ao vivo, falou de seu novo disco, em fase final de preparação, e convidou os ouvintes para prestigiarem sua apresentação deste sábado, 18, no Bar Estância de São Pedro, localizado na Rua João Alfredo, esquina com República, em Porto Alegre.
No domingo, Raneri Spohr ruma para Lages/SC, onde participa da 19ª Sapecada da Canção Nativa.
Daniel Oliveira, Rodrigo Moralez, Raineri Spohr e Jairo Reis

VOZES DO JACUÍ - 1ª EDIÇÃO

Inicia nesta sexta-feira, 17 de junho, a primeira edição do festival Vozes do Jacuí, na cidade de São Jerônimo, que prossegue até domingo, tendo como concorrente as seguintes músicas:
FASE ESTADUAL:
INVERNO BRABO
Letra: Telmo de Lima Freitas
Música: Telmo de Lima Freitas
PRA DOMA, BRIGAS E AMORES             
Letra: José Dias Motta
Música: José Dias Motta
NEGRA MORENA          
Letra: Rodrigo Jacques
Música: Rodrigo Jacques
ESO SI QUE HAY EN MI PAGO  
Letra: Martim Cesar Gonçalves
Música: Miguel Dario Diaz
A PEDRA            
Letra: Severino Rudes Moreira
Música: Zulmar Benitez
VISITA                
Letra: Rômulo Chaves
Música: Robledo Martins
QUANDO A ALMA DESABITA
Letra: Jaime B. Carlos
Música: Christian Guterres
“FLOR DO PASSO”         
Letra: Gustavo Gonzales e Luiz Carlos Ranoff
Música: Gustavo Gonzales
NA ALMA DE UMA MILONGA 
Letra: Eron Carvalho
Música: Tuny Brum
EN MI CANTAR DE PAISANO    
Letra: Martim Cesar Gonçalves
Música: Miguel DarioDiaz
O MOURO DA ORELHA ATORADA         
Letra: Rômulo Chaves
Música: Everson Maré
ENTÃO APERTO A CORDEONA
Letra: Wilson Vargas
Música: Sérgio Rosa
A FLOR, O BEIJA- FLOR E O ESPINHO    
Letra: Vagner Pessolotto
Música: Sérgio Rosa
TEUS OLHOS, MINHA SAUDADE             
Letra: Gilberto Caramão
Música: Jair Oliveira de Medeiros
UM VELHO PORTÃO DE PEDRA
Letra: Rodrigo Bauer
Música: Zulmar Benitez
A ESPERA          
LetrA: Telmo Vasconcelos
Música: Eduardo Monteiro Silva

CLASSIFICADAS NA FASE REGIONAL:
GAITEIRO E CANTADOR             
Letra: Elisandro Corrêa
Música: Jankiel Santos
DA BUENA LIDA CAMPEIRA        
LETRA: Juliano Oliveira
Música: Fernanda do Amaral
MATE DE ESTRIBO         
Letra: Rodrigo Barreto
Música: Wilson Vargas
ABA LARGA      
Letra e música: Adriano Steffler
MEU VERSO     
Letra: Elisandro Corrêa
Música: Gustavo Netto
SOU UM PRODUTO DO CAMPO             
Letra: Ricardo Hass
Música: Jader Duarte
ESTRADAS QUE LEVAM              
Letra: Neco Machado
Música: Airam Cardoso
DO FIEL INTÉ A SOITEIRA           
Letra: Acélio Fontoura Jr e Diego Guterres
Música: Airam Cardoso

13 de junho de 2011

COXILHA NEGRA 2011 - RESULTADO

Shana Muller: Melhor Intérprete em Butiá
A Coxilha Negra 2011, aconteceu de 10 a 12 de junho na cidade de Butiá e o resultado foi o seguinte:

LINHA POPULAR:
Primeiro Lugar: COMO UM TAMBOR CANDOMBERO
L: Martim César e Diego Muller
M: Robledo Martins  
Int: Shana Muller
Segundo Lugar: PEÇAS
L: Raul Ferreira Freitas
M: Luiz Souza
Int: Darling
LINHA NATIVISTA REGIONAL:
Primeiro Lugar: A VOZ
L: Jorge Prado
M: Zulmar Benitez
Int: Flávio Hansen
Segundo  Lugar: REFÚGIO
L: Noé César da Silva
M: Robledo Martins
Int:  Robledo Martins
Melhor intérprete: SHANA MULLER
Melhor Instrumentista: DOUGLAS MENDES
Melhor Tema Regional: DE PRECES E LIDES (Raul Avohá)
Música Mais Popular: A MAGIA DA PALAVRA (Francisco Luiz)

9 de junho de 2011

CRISTIANO QUEVEDO: ATRAÇÃO DESTA QUINTA NO RONDA DOS FESTIVAIS

O cantor Cristiano Quevedo, um dos nomes mais importantes da nova geração do nativismo gaúcho, estará participando nesta quinta-feira, 09 de junho, do programa Ronda dos Festivais, da Rádio Rural AM 1120, a emissora pilchada do Grupo RBS. 
O Ronda...vai ao ar de segunda a sexta-feira, das 18h as 19h,  destacando o universo dos festivais de música e de poesia, sempre com apresentação do comunicador Jairo Reis
Para sintonizar a Rural pela internet basta acessar o link abaixo:

7 de junho de 2011

31ª COXILHA LANÇADA EM PORTO ALEGRE

Secretário Aléx Dellaméa e as Prendas da Coxilha

 
Dando continuidade a sua história maravilhosa, a Coxilha Nativista de Cruz Alta lançou ontem a noite, em Porto Alegre, no Restaurante Vitrine Gaúcha, a 31ª edição, programada para os dias 27, 28, 29 e 30 de julho de 2011. Além de diversas autoridades, o evento contou com as participações de representantes da imprensa  e de vários artistas, alguns deles inclusive, tocando e cantando para o bom público presente.
A Coxilha Nativista de Cruz Alta é um dos mais importantes e bem organizados festivais de música do Rio Grande do Sul. Alcança em 2011 a sua 31ª edição, fato que credencia o evento como o mais longevo festival do estado, realizado ininterruptamente.  Além disto a Coxilha se consagra a cada ano com edições marcantes. Foi assim em 2010, quando promoveu a 30ª edição em oito dias de evento durante os quais foi revisitada a trajetória do festival que tantas e tão boas contribuições tem dado ao ambiente cultural e musical do Rio Grande. Na Coxilha surgiram músicas que se tornaram extremamente populares e até mesmo clássicos do nativismo, como por exemplo:  "Segredos do Meu Cambicho", "Batendo Água", "De Já Hoje", "Bailanta do Tio Flor", "Maragatos e Chimangos",
Jorge Freitas dando uma "canja"
"Cismas" e até uma chamada "Uma Tarde no Corredor" que ainda faz sucesso com o nome de "Entrando no M'Bororé". Diversos cantores e músicos hoje consagrados, também surgiram no palco da Coxilha e, principalmente, na Coxilha Piá, casos dos talentos precoces de Ângelo Franco, Shana Muller, Juliana Spanevello, Arthur Bonilla, entre outros.
Estas constatações já dão uma idéia da importância da Coxilha para o cenário do nativismo gaúcho.
O prazo para inscrições à 31ª Coxilha Nativista se encerra no dia 24 de junho e o regulamento está a disposição nesse link http://coxilhanativista.com.br/Regulamento_31_Coxilha_Nativista.pdf

Os jurados da Coxilha são: Nenito Sarturi, Robledo Martins, Gujo Teixeira, Juca Moraes e Tiago Quadros. 
Os shows também já estão definidos:
27 de julho:  Adair de Freitas
28 de julho: Pedro Ortaça
29 de julho; Joca Martins
30 de julho: Luiz Marenco e Jari Terres

6 de junho de 2011

27º REPONTE - RESULTADO


Os vencedores da Linha Campeira do Reponte

















O 27º Reponte da Canção, foi realizado no último final de semana, na cidade de São Lourenço do Sul e os destaques foram os seguintes:
LINHA CAMPEIRA
Primeiro Lugar : La Mandinga
(Gustavo Brasil/Juliano Javoski)
Int: Juliano Javoski
Segundo Lugar: Domingueira 
(Adão Quevedo)
Melhor Poesia: A mão que saca o pelego (Fabrício Marques)
LINHA LIVRE
Primeiro Lugar: Como Lo Siento
(Frederico Viana)
Int: Frederico Viana
Segundo Lugar:   Céu de Purpurina
Vaine Darde/Osmar Carvalho
Melhor Poesia: Outono dos Sentidos (Jaime Vaz Brasil)
GERAL
Melhor Instrumentista: Marquinho Fê - Outono dos Sentidos
Melhor Intérprete: Frederico Viana - Como Lo Siento
Melhor Arranjo Instrumental: No Mar dos Teus Olhos
Melhor Melodia: Como Lo Siento  (Frederico Viana)
Melhor Tema Litorâneo:  No Mar dos Teus Olhos  (Rômulo Chaves/Nilton Júnior da Silveira)
Mais Popular: Domingueira (Adão Quevedo)

5 de junho de 2011

GAÚCHOS NO "VIOLA" - 2ª PARTE

Nilton Ferreira, ontem no "Viola"
Na noite de ontem, 04/06, o cantor Nilton Ferreira obteve classificação para a grande final do Viola de Todos os Cantos, interpreteando a música "Onde Mora o Sabiá", na Etapa realizada na cidade de São Carlos/SP.
Anteriormente, no dia 21 de maio, o Grupo Chão de Areia, formado por Mario Tressoldi, Chico Saga e Flávio Junior,  tambem já haviam conseguido classificação para a final do Viola, interpretando, na etapa realizada na cidade de Limeira/SP, a música "Tafona", de Carlos Catuípe e Ivo Ladislau.
Parabéns Nilton Ferreira  e Grupo Chão de Areia.
Fica agora a expectativa e a torcida quanto a participação do bagéense Caine teixeira na Etapa de Varginha/MG, no dia 18 de junho, com a música  "É Assim a Vida".

OS GAÚCHOS NO "VIOLA"

A capacidade criativa e o talento dos compositores, músicos e intérpretes gaúchos tem sido costumeiramente reconhecido no "Viola de Todos os Cantos", um dos maiores festivais de música do Brasil.
Anualmente são selecionadas 60 canções de todo o país,  divididas em duas categorias: Regional e Raiz. As músicas são apresentadas em  cinco etapas regionais das quais são destacadas duas de cada categoria para a gande final que aocntece no dia 15 de julho em Poços de Caldas/MG.

Neste ano os gauchos estão participando das seguintes etapas:
Na modalidade REGIONAL:
07/05:  Araraquara:    Clave de Vento (Jaime Vaz Brasil/Adriano Sperandir) Int: Adriana Sperandir
21/05:  Limeira:   Tafona (Ivo Ladislau/Carlos Catuípe) Int: Grupo Chão de Areia
26/05: Sertãozinho:    Falem de Mim (Gilberto Porto/Gabriel Selvage) Int: Alana Moraes
04/06:  São Carlos:  Onde Mora o Sabia (Nelmo Beck/Nilton Ferreira) Int: Nilton Ferreira
18/06: Varginha:   É Assim a Vida ( Caine Teixeira) Int: Caine Teixeira
Na modalidade RAIZ:
21/05: Limeira:  Xiru (Otoniel Santos) Int:  Otoniel Santos

1 de junho de 2011

O RIO GRANDE CANTA O COOPERATIVISMO

O universo nativista do estado já se mobiliza para a 5ª edição do festival O Rio Grande Canta o Cooperativismo, promovido pelo sistema Ocergs/Sescoop.
Como nas edições anteriores, em 2011 serão realizadas tres etapas classificatórias regionais e uma grande final. Para cada etapa serão selecionadas dez músicas, dentre as quais, quatro serão apontadas como finalistas, três definidadas pelos jurados e uma pelo voto popular.
Um dos mais bem organizados do estado, o Festival do Cooperativismo, como é conhecido no ambiente cultural gaúcho, oferece ótimas condições para os participantes e excelentes ajuda de custo e premiação.
O regulamento pode ser baixado direto do site http://www.ocergs.com.br/
Confira as informações sobre o 5º O Rio Grande Canta o Cooperativismo:
Prazo para inscrições:  até 29 de julho de 2011
Etapas:
1ª Etapa:  07 de outubro: Pinhal
2ª Etapa: 28 de outubro: Bento Gonçalves
3ª Etapa: 18 de novembro: São José do Ouro
Final:  09 de dezembro: Tapera
Ajuda de Custo Classificadas:  R$ 3.000,00
Ajuda de Custo Finalistas: R$ 3.500,00
Premiação:
1º Lugar: R$ 8.000,00 
2º Lugar: R$ 7.000,00
3º Lugar: R$ 6.000,00 
Melhor instrumentista: R$ 4.000,00 
Melhor intérprete: R$ 4.000.00 
Melhor letra: R$ 4.000.00 
Melhor melodia: R$ 4.000,00 
Melhor arranjo: R$ 4.000,00 
Música mais popular: R$ 4.000,00